Pular para o conteúdo

5 grandes tendências no varejo

  • por Ben Popov
▶️ Compartilhe, Segue e Ganhe R$ 50,00!

Esta postagem foi atualizada em 11 de abril de 2023

 

O varejo está passando por grandes mudanças, tanto no Brasil quanto no mundo. 

As empresas precisam se adaptar às novas tendências para continuar competitivas e gerar resultados positivos.

Nesse artigo, falaremos sobre 5 dessas tendências que estão revolucionando a forma como as pessoas fazem compras e o mercado como um todo. 

Confira agora!
 

Como o varejo está performando no Brasil e no mundo?

De 2020 para cá, o varejo sofreu algumas mudanças significativas em decorrência da pandemia do coronavírus. 

Isso fez com que as empresas do setor repensassem suas estratégias.

Além de buscarem novas soluções para atender às demandas dos consumidores diante da sua mudança de comportamento.

Embora o varejo físico tenha sofrido quedas significativas nas vendas, o setor não deixou de crescer.

Principalmente por conta do varejo online que “segurou nas costas” as vendas do varejo no Brasil e no mundo.

Com isso, nunca se comprou tanto pela internet como agora.

E isso acabou impulsionando o mercado varejista, trazendo novas perspectivas dentro desse novo cenário de consumo pós-pandemia.

Principais mudanças do varejo

A primeira grande mudança no varejo foi o comportamento do consumidor por conta das restrições de locomoção causadas pelo isolamento social. 

Em 2020, o varejo teve que se adaptar para atender aos novos hábitos de compra dos consumidores, que passaram a comprar mais online.

Outra mudança significativa foi a forma como as empresas lidam com os desafios logísticos para atender a essa demanda crescente por compras online. 

Muitas empresas tiveram que investir em novas tecnologias e processos para garantir a entrega das mercadorias em tempo recorde.

A terceira grande mudança foi a crescente importância da experiência do cliente. 

Com o aumento das compras online, as empresas varejistas tiveram que se adaptar para garantir que os consumidores tenham uma ótima experiência.

Desde o momento em que acessam o site até o recebimento da mercadoria.

Através dessa transformação digital a gestão do verejo otimizada se tornou indispensável para as empresas que queriam se manter competitivas nesse mercado.

Principalmente por ele estar cada vez mais disputado por grandes players.

 

LEIA TAMBÉM:  O que é dropshipping? Saiba como funciona e como fazer

5 grandes tendências no varejo

Agora que você já sabe como o varejo está se adaptando às mudanças, chegou a hora de falar sobre as principais tendências que estão revolucionando o mercado.

#1 Compras por PIX

O Pix é uma nova forma de pagamento instantâneo criada pelo Banco Central do Brasil. 

Com o Pix, as pessoas podem enviar e receber dinheiro em tempo real, 24 horas por dia, 365 dias por ano.

Por meio do Pix, as empresas têm acesso a um novo canal de pagamento e podem oferecer essa opção para os seus clientes. 

Além disso, o Pix também pode ser usado para fazer compras online, transferências e pagamentos de contas, tudo de forma extremamente rápida.

Como o Pix é uma nova tecnologia, ainda há muito para ser explorado nesse campo. 

No entanto, já é possível afirmar que o Pix veio para ficar e que vai mudar a forma como as pessoas fazem compras, especialmente online.

#2 Estratégias omnichannel

Omnichannel é uma estratégia que une canais de vendas físicos e digitais para oferecer a melhor experiência de compra possível ao consumidor. 

Com essa estratégia, as empresas podem oferecer aos seus clientes a flexibilidade de fazer compras em qualquer canal, seja online, offline ou mesmo através de um aplicativo.

Além disso, as estratégias omnichannel também permitem que as empresas ofereçam aos seus clientes uma experiência personalizada e única, de acordo com as suas preferências. 

A popularização das estratégias omnichannel, muitas empresas estão investindo em tecnologias para melhorar ainda mais a experiência do cliente.

Uma dessas tecnologias é a geolocalização, que permite que as lojas físicas enviem ofertas personalizadas para os clientes que estão próximos. 

Outra tecnologia interessante é a realidade aumentada, que permite aos consumidores visualizar produtos em três dimensões, de forma virtual.

#3 LGPD e Segurança do consumidor

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é uma lei federal que regulamenta o tratamento de dados pessoais no Brasil. 

A LGPD foi criada para proteger os direitos fundamentais dos consumidores e garantir que as empresas tratem esses dados de forma ética e segura.

Com a entrada em vigor da LGPD, as empresas tiveram que se adaptar para garantir a conformidade com as novas regras. 

Além disso, a LGPD também trouxe uma série de novos desafios para as empresas, que precisavam investir em tecnologias e processos.

Fundamentalmente para garantir a segurança dos dados pessoais.

A segurança do consumidor também é uma preocupação cada vez maior das empresas.

O aumento das compras online, as empresas estão investindo cada vez mais em segurança da informação para garantir que os dados dos consumidores estejam sempre seguros.

#4 E-commerce Cross Border

O e-commerce cross border é uma tendência que vem crescendo nos últimos anos. 

Com o aumento da globalização, muitas empresas estão investindo em estratégias para vender seus produtos para outros países.

Para isso, as empresas precisam se adaptar a uma série de novas regras e regulamentações.

Além de investir em tecnologias para garantir a entrega dos produtos na melhor condição possível.

#5 Dark Store

O dark store é um conceito relativamente novo no mercado brasileiro. 

Esse modelo de loja consiste em uma loja física que funciona como um armazém.

Onde os produtos são armazenados e embalados para serem enviados diretamente para o consumidor.

O dark store é uma ótima opção para as empresas que querem oferecer um serviço de entrega rápida e eficiente para os seus clientes. 

Além disso, esse modelo de loja também permite que as empresas reduzam os seus custos com a logística, uma vez que os produtos são armazenados e embalados no mesmo local.

Como podemos observar, o varejo está em constante mudança e evolução. 

As tendências do varejo estão cada vez mais influenciadas pelas tecnologias disponíveis.

O que torna cada vez mais importante para as empresas se manterem atualizadas e se adaptarem às novas tendências digitais e físicas.

Esperamos que esse conteúdo tenha sido útil para você e que você possa aplicar as tendências do varejo em sua loja.

Até a próxima!

 

LEIA TAMBÉM:  5 maneiras de reduzir seus custos de infraestrutura de TI na nuvem

 

 

Inscreva-se
Notificar sobre
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Adoraria seus pensamentos, por favor comente.x