Pular para o conteúdo

Hackers de Bitcoins: saiba o que fazer para proteger a sua carteira digital

▶️ Compartilhe, Segue e Ganhe R$ 50,00!

Esta postagem foi atualizada em 19 de abril de 2024

Imagem de André François McKenzie no Unsplash

 

 

Sofrer um ataque hacker pode trazer diversos prejuízos, não é mesmo? Por isso, traremos neste texto alguns cuidados que você pode tomar para não ter problemas, principalmente, com os seus Bitcoins.

Proteger seus Bitcoins e sua carteira digital é fundamental para evitar que hackers roubem seus fundos. Estes cuidados são importantes ter no Brasil. Afinal de contas, o Brasil é um dos países que mais sofrem com ataques e que pouco investe contratando um seguro cibernético, por exemplo.

Um dos principais motivos dos hackers de Bitcoins atacarem é o valor de mercado que esta moeda, criada em 2009, tem no setor. Porém, como é uma moeda que tem uma grande tecnologia por trás, ela é considerada segura.

Mas como os hackers de Bitcoins conseguem invadir a carteira digital? A resposta é simples: eles se aproveitam de algumas atitudes do usuário que podem deixar a carteira “desprotegida”. Quer saber mais? Falaremos abaixo.

Conheça algumas dicas para proteger a sua carteira digital

Devido ao alto número de problemas como, por exemplo, vazamento de dados, investir no mercado de criptomoedas ainda causa muito medo entre as pessoas, já que ninguém quer arriscar perder todo o investimento.

Porém, se tomarmos alguns cuidados, podemos nos prevenir dos hackers de Bitcoins e, com isso, até oferecer esta forma de pagamento no seu negócio virtual, seja ele um pequeno negócio ou até mesmo uma grande loja de importados.

Por isso, separamos algumas dicas de como você conseguir se proteger dos hackers de Bitcoins. Anote aí!

LEIA TAMBÉM:  Tecnologia blockchain: a segurança das moedas digitais

1 – Mantenha o seu backup em dia

Faça backups regulares da sua carteira de Bitcoin e armazene esses backups em locais seguros como, por exemplo, dispositivos de armazenamento externos, pendrives criptografados, dentre outros.

Verifique se os backups são armazenados em locais diferentes, para garantir que você possa recuperar seus Bitcoins em caso de perda ou roubo do dispositivo onde sua carteira está armazenada.

2 – Escolhe uma Carteira Hardware

Considere usar uma carteira de hardware (hardware wallet) para armazenar seus Bitcoins. Esses dispositivos são considerados altamente seguros, pois mantêm suas chaves privadas offline e protegidas contra os ataques cibernéticos.

3 – Tenha senhas fortes

Muitas vezes optamos por escolher senhas fáceis para não esquecer. Porém, o recomendado é a utilização de senhas fortes e exclusivas para todas as contas relacionadas a Bitcoins. Desta forma, você ficará ainda mais protegido dos hackers de Bitcoin.

Se possível, evite senhas óbvias ou os hackers consigam adivinhar facilmente. Considere o uso de um gerenciador de senhas para armazenar e gerar senhas complexas. Dica importante: anote em um lugar de confiança para não esquecer.

Nunca compartilhe suas chaves privadas com ninguém e mantenha-as armazenadas de forma segura, preferencialmente offline. Suas chaves privadas são essenciais para acessar seus Bitcoins e qualquer pessoa que as possua pode acessar seus fundos.

4 – Cuidado com Phishing e Malware

Esteja atento a e-mails, mensagens e sites suspeitos que possam tentar roubar suas informações de login ou instalar malware em seu dispositivo. Nunca clique em links suspeitos e verifique sempre a autenticidade dos sites antes de inserir informações confidenciais.

Caso tenha dúvida, exclua o conteúdo. É melhor receber de novo, se for o caso, do que dar “abertura” para uma invasão no seu sistema.

LEIA TAMBÉM:  Como declarar criptoativos no Imposto de Renda?

5 – Evite exchanges desconhecidas

Utilize apenas exchanges confiáveis e de renome para comprar, vender ou negociar Bitcoins. Pesquise sobre a reputação e a segurança de uma exchange antes de depositar seus fundos. Existem diversas plataformas na internet que poderão te ajudar com este assunto.

Se você conhecer um amigo que já investe em Bitcoin, por exemplo, pegue as dicas das melhores plataformas com ele. Tente não se arriscar em novos sites, diminuindo as chances de cair em golpes.

6 – Não se esqueça da autenticação de dois fatores

Ativar a autenticação de dois fatores tem sido importante para diversos aplicativos no smartphone, não é mesmo? Quando estamos falando de proteger o nosso investimento dos hackers de Bitcoin, ativar esta proteção também é fundamental.

Portanto, utilize a autenticação de dois fatores em todas as contas relacionadas a Bitcoins, como carteiras e exchanges. Isso adiciona uma camada extra de segurança, exigindo um segundo método de verificação além da senha, como um código enviado para o seu telefone.

Ao seguir estas dicas, você fortalecerá significativamente a segurança de seus Bitcoins e reduzirá o risco de ser vítima de hackers, podendo aproveitar, inclusive, para fazer compras na internet com a sua moeda virtual.

Inscreva-se
Notificar sobre
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Adoraria seus pensamentos, por favor comente.x