Veja 3 criptomoedas que podem gerar mais lucros que o Bitcoin

 

Termos como mercado de criptomoedas e Bitcoin representam bem as transformações digitais em que o mundo tem se inserido.

Como tudo nas transformações tecnológicas, existem várias camadas a serem aprendidas por quem se recusa a ficar para trás.

Neste post, vamos te esclarecer o que são criptomoedas e como elas não se resumem a Bitcoins. Confira abaixo!

 

Como está o mercado de criptomoedas?

O mercado de criptomoedas está alavancando, não importa qual seja a criptomoeda. Seja o Bitcoin ou seus concorrentes, as criptomoedas estão conquistando cada vez mais o mercado.

Contudo, se você deseja incluir mais soluções tecnológicas no seu negócio, você pode começar por alternativas mais conhecidas por seus consumidores.

Um exemplo é a implementação do BAAS (Banking as a Service), com ele as transações virtuais da sua empresa (pagamento com boleto, cartão, transferências e etc.) são mais seguras e mais baratas que a intermediação dos bancos.

 

O que é Bitcoin?

A criptomoeda mais popular e primeira a ser inventada é o Bitcoin. Ela foi criada em 2008.

Ao contrário do dinheiro tradicional, o Bitcoin não é emitido e não possui regulamentação do governo para circular, tampouco precisa da intermediação de bancos.

Em geral, as transferências são feitas de uma pessoa para outra. Isso mantém a privacidade das pessoas e dá transparência nas operações.
 

O que é criptomoeda?

As criptomoedas são moedas para utilização no meio digital. Ou seja, elas não possuem cédulas ou moedas físicas.

O intuito das criptomoedas é tornar a distribuição e produção de dinheiro no mundo mais acessível e democrática.

LEIA TAMBÉM:  Vale a pena comprar ações para receber dividendos?

Cada país possui suas próprias leis quanto às criptomoedas. No Brasil, elas estão na categoria de bens.

Segundo o CoinMarketCap, existem mais de quatro mil criptomoedas em circulação atualmente.
 

4 Vantagens de investir em criptomoedas:

 

#1 Alto potencial de valorização

As criptomoedas são responsáveis por oferecer uma margem de lucro alta, devido à qualidade e avanço constante do mercado.

Nos últimos anos, a criptomoeda obteve potencial aumento em sua demanda, o que valorizou potencialmente seu uso.

E com o mercado aquecido, é oferecido inclusive opções de cripto loteria.
 

#2 Transferência feita com facilidade e rapidez

Por não precisar de procedimentos externos nem da intermediação de bancos, a transferência é rápida e fácil.

Basta ter acesso a um dispositivo que possua internet para poder transferir, adquirir ou vender algum investimento com criptomoedas.

Além disso, as transferências de pessoa para pessoa demoram no máximo 10 minutos.
 

#3  Privacidade e segurança

Outra vantagem está na não exigência de dados pessoais, como cartão.

Vale ressaltar que a criptomoeda não pode ser controlada por um banco ou governo, ela é descentralizada e de difícil rastreio.

Na prática, a descentralização da moeda virtual proporciona aos seus usuários, privacidade e segurança.
 

#4 Acessibilidade

Qualquer um pode começar a investir nas criptomoedas, pois basta apenas ter acesso à internet. Somado a essa vantagem, o investimento mínimo é acessível para todos.

As moedas virtuais geram mais acessibilidade para os usuários porque podem ser compradas, vendidas e usadas em transações apenas com um aparelho conectado na web.
 

3 criptomoedas que geram mais lucros

Apesar da popularidade do Bitcoin, há mais de quatro mil criptomoedas no mercado para você investir.

LEIA TAMBÉM:  Os Melhores Cripto Robôs para Ganhar Mais de 5.000% por Ano em Criptomoedas

Dentre elas, as principais criptomoedas que são mais lucrativas que o Bitcoin são:
 

#1 NPXS

Atualmente, a NPXS está com os índices de venda e compra fortes por conta do seu potencial e valorizado modo de atuação. Isso é devido a NPXS ser responsável pela alimentação frequente da rede Pundi X.

O Pundi X é um sistema de pagamento em moeda digital que não tem fronteiras. O sistema objetiva criar terminais de pontos de venda (POS) e um cartão de pagamento sem dados pessoais do usuário para lojas de varejo físicas.

Em fevereiro de 2021, a NPXS teve uma alta de 102%. Além disso, a criptomoeda pode ser comprada por baixo preço e, mesmo assim, receber alta valorização do mercado.
 

#2 HOT

A HOT é uma criptomoeda nativa da Holochain e seu principal diferencial é a aplicação aberta e descentralizada. Em outras palavras, a HOT tem todas as vantagens de uma criptomoeda.

Ela possui uma tecnologia além da blockchain tradicional, por isso tem sido mais atrativo investir nela.

A blockchain tradicional foi criada junto com o Bitcoin. Ele se trata de um sistema responsável por realizar o registro e o rastreamento de envio e recebimento de informações sobre transações com criptomoedas. Sendo possível marcar o período em que as transações foram realizadas.

Em março de 2021, a HOT teve uma alta de 2.000% e a previsão é de que ela seja cada vez mais valorizada.
 

#3 BTT

A BTT é a criptomoeda criada para a plataforma de downloads Bittorrent, que utiliza da tecnologia P2P, uma das mais utilizadas no mundo. Isso proporcionou que a rede lançasse em 2019 uma criptomoeda própria.

A demanda da criptomoeda BTT é alta. Só em abril de 2021, a BTT teve um aumento de 60% em um dia.

LEIA TAMBÉM:  Questões de segurança: uma análise final da Bitcoin Vault (BTCV)

 

Agora você já sabe quais as criptomoedas que geram mais lucros que o Bitcoin.

Também esperamos te ajudar com outras soluções de transações financeiras mais próximas da sua realidade. Entre em contato conosco!

 

 

Inscreva-se
Notificar sobre
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments